Sagrada família

Ultimamente se estabeleceu um ícone conhecido como Sagrada Família, onde aparece José Maria e o menino Jesus formando uma composição em isolada. Antigamente isso não ocorria, pois a sagrada família já era satisfatoriamente representada em inúmeras cenas de festas litúrgicas. Aqui vamos comentar apenas um ícone polêmico (fig. 16). Este ícone é bastante difundido, não obstante ser considerado não canônico. Isso devido a um desvio simbólico: São José coloca sua mão direita sobre o ombro de Nossa Senhora, isso significa consórcio carnal e induz a uma heresia, pois nossa Senhora é Virgem antes, durante e depois do parto e Jesus biologicamente não é filho de São José. Existem versões do mesmo ícone onde essa correção simbólica é observada. Enquanto alguns teólogos ligados a  Igreja Ortodoxa enxergam grave heresia, a igreja Católica apenas considera um gesto de carinho e de bondade mostrando que São José cuidou com muito amor de Maria e de Jesus e não apenas de forma a cumprir burocraticamente um desejo divino revelado por Deus. Ele fez a vontade Deus de forma livre e alegre.

 

Compatinhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp