Comentário ao Evangelho – Sexta-Feira 22/05/2020

6ª Semana da Páscoa – ANO A

Jo 16, 20-23a

Clique para ouvir o Evangelho e seu comentário:

A Ascenção não é o contrário da encarnação. É isso o que Jesus explica aos discípulos, quando fala da alegria do nascimento do filho que é precedida pelas dores do parto. A mãe não se lembra das dores, mesmo que as dores tenham sido fortes, porque a alegria do nascimento é incomparável.

Quando Jesus sobe aos céus não devemos pensar que isso seja o contrário da sua vinda até nós. A ascensão não é a separação de Jesus. Pelo contrário, é o início de uma presença ainda mais profunda. Agora glorificado nos céus, Jesus participa em sua humanidade da condição de Deus. Em sua condição mortal, Jesus não podia estar em dois lugares ao mesmo tempo. Quando ele falava com alguém não podia falar com outra. Agora glorificado, Jesus, em sua humanidade, participa da onipotência e da onipresença de Deus. Ele está presente em todas as partes; pode estar em contato pessoal com todos ao mesmo tempo e em todos os lugares.

 

Por Dom Julio Endi Akamine SAC

Veja mais em: Biografia / Agenda do Arcebispo / Palavra do Pastor / Youtube / Redes Sociais

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Siga nossas Redes Sociais:

CONTATO

Av. Dr. Eugênio Salerno, 100
Vila Santa Terezinha, Sorocaba – SP
CEP: 18035-430
Telefone: (15) 3221-6880