Comentário ao Evangelho – Segunda-feira 27/01/2020

3ª Semana do Tempo Comum – ANO A

Mc 3,22-30

 

Clique para ouvir o Evangelho e seu comentário:

 

A acusação que os mestres da Lei fazem contra Jesus é gravíssima! Acusam Jesus de expulsar demônios por estar possuído por Beelzebul, o príncipe dos demônios. Jesus mostra como é absurda essa acusação: “Como é que Satanás pode expulsar Satanás?”. O exorcismo de Jesus é um ataque frontal contra Satanás, não é uma facção interna do Reino de Satanás que luta contra outra facção. Jesus é o mais forte que vence o forte. Ele veio para destruir o reino de Satanás. Até agora este reinava tranquilo sem encontrar oposição. Com a vinda de Jesus, o domínio de Satanás sobre este mundo acaba. Assim Jesus mostra que a sua ação é, de fato, ação de Deus que intervém para libertar a humanidade da escravidão satânica.

Mais ainda, atribuir a Satanás o que é ação de Deus é, portanto, blasfemar contra o Espírito Santo. Quem se obstina diante dos sinais que Jesus realiza se fecha à ação de Deus e também ao perdão pelo qual venceria Satanás. Quem recusa o perdão não pode recebe-lo.

Por Dom Julio Endi Akamine SAC

 

Veja mais em: Biografia / Agenda do Arcebispo / Palavra do Pastor / Youtube / Redes Sociais