Comentário ao Evangelho – Segunda-feira 23/12/2019

4º Domingo do Tempo do Advento – ANO A

Lc 1,57-66

Por Dom Julio Endi Akamine SAC

A festa do natal é a vinda de Jesus menino ao nosso encontro, mas para recebê-lo bem é preciso se purificar. Jesus menino não é um brinquedo para nossa distração. Ele é o Filho de Deus que devemos receber com sentimentos e atitudes de adoração. Se o nascimento de João Batista provocou nos parentes e vizinho o temor sagrado, isto é ainda mais necessário para o nascimento de Jesus.

Devemos purificar o nosso coração para acolher dignamente Jesus menino. O Evangelho de hoje nos mostra que a purificação que o Senhor realiza em nós é feita de amor. A escolha do nome “João” é para nós um anúncio da benevolência de Deus. Em hebraico “João” significa “Deus dá a graça”. Deus nos prepara para a vinda do Salvador com amor e nos dando a graça, mesmo quando nos corrige com severidade.

O próprio Jesus menino nos indica em que direção devemos realizar a nossa purificação. Ele nos purifica do orgulho e da soberba. Com efeito, Deus resiste aos soberbos e concede a graça aos humildes.

 

Veja mais em: Biografia / Agenda do Arcebispo / Palavra do Pastor / Youtube / Redes Sociais