Comentário ao Evangelho – Segunda-feira 11/07/2022

Segunda-feira da 15a semana

Is 1,10-17

Clique para ouvir o Evangelho e seu comentário:

Tentemos imaginar o contexto da leitura de hoje. É um dia de festa solene no templo de Jerusalém. A pompa dos sacerdotes, as aclamações festivas dos peregrinos, os sacrifícios numerosos marcam esse dia de festa solene. Entre as pessoas que estão no templo, o profeta Isaías vendo tudo isso, em vez de se alegrar, sente calafrios. Os sacerdotes e o povo pretendem ganhar os favores de Deus com uma religião vazia e um culto falso. Era como tentar tapar os olhos de Deus para que Ele não visse, atrás da cortina de fumaça da solenidade religiosa, as injustiças cometidas contra os órfãos, as viúvas e os pobres.

O problema central é a relação entre culto e justiça, oração e vida, solenidade e ética. Enquanto o povo viver na injustiça o culto está viciado e se torna uma tentativa perversa de comprar os favores divinos. O culto se torna um anti-culto.

O profeta não resiste e prorrompe a sua denúncia em nome de Deus: “não continueis a trazer ofertas vazias! O incenso é para mim abominação. Não suporto iniquidade com reunião solene! Eu detesto as vossas solenidades! Elas são para mim um peso, estou cansado de suportá-las. Quando estendeis vossas mãos, escondo de vós meus olhos. Vossas mãos estão cheias de sangue”.

Isaías não era um espiritualista alienado nem um conformista superficial. Foi um defensor da verdade! Não condenou o culto, mas a sua falsidade. Não condenou a oração, mas condenou duramente sem meias palavras a tentativa de enganar Deus com um culto falso. Não foi contra a liturgia dos levitas, mas denunciou a prática das injustiças.

Assim a única saída é o culto com ética, a liturgia acompanhada da prática da justiça, a solenidade com a obediência a Deus. “Lavai-vos, purificai-vos. Tirai a maldade de vossas ações de minha frente. Deixai de fazer o mal! Aprendei a fazer o bem! Procurai o direito, corrigi o opressor. Julgai a causa do órfão, defendei a viúva”.

Por Dom Julio Endi Akamine SAC

Veja mais em: Biografia / Agenda do Arcebispo / Palavra do Pastor / Youtube / Redes Sociais

 

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Siga nossas Redes Sociais:

CONTATO

Av. Dr. Eugênio Salerno, 100
Vila Santa Terezinha, Sorocaba – SP
CEP: 18035-430
Telefone: (15) 3221-6880