Comentário ao Evangelho – Quarta-feira 24/11/2021

Quarta-feira 34ª Semana TC

Lc 21, 12-19

Clique para ouvir o Evangelho e seu comentário:

Nós estamos vivendo os últimos tempos. Isso não deve nos amedrontar, pois o fim não é a destruição e sim a plenitude; o fim não é o término deste mundo, mas a sua finalidade.

Por se tratar dos últimos tempos, somos chamados à responsabilidade quanto ao momento presente. Se estamos nos últimos tempos, é preciso levar a sério a nossa vida: não teremos outra oportunidade; não podemos desperdiçá-la. Por isso para vencer o medo e para viver com plenitude os últimos tempos é preciso estar firmados em Jesus.

Os últimos tempos são tempos de crise. Que tipo de crise? É a crise da provação e da perseguição. A perseguição nos põe em crise porque podemos sucumbir às dificuldades ou podemos crescer nela e alcançar a nossa salvação e a do mundo.

Se olharmos a história do cristianismo, veremos que, de fato, a palavra de Jesus se cumpriu e continua se realizando.

Antes que estas coisas aconteçam, sereis presos e perseguidos; sereis entregues às sinagogas e postos na prisão; sereis levados diante de reis e governadores por causa do meu nome.

A perseguição não prejudica o cristão, se ele está firmado em Cristo. Pelo contrário, a perseguição é a ocasião de dar testemunho diante do mundo. Em vez de impedir o Reino, a provações acabam contribuindo para a sua realização. O discípulo tem a segurança da promessa de Jesus de que será sustentado pelo Espírito Santo, quando for levado aos tribunais. Receberá uma sabedoria irresistível, mais forte do que o mal.

Assim perdendo tudo, o cristão sabe que ganha tudo. A nossa vida está em Deus, e quem prejudica os cristãos, em vez de os separar de Cristo os torna participantes da paixão salvadora. O cristão tem paciência na perseguição porque está associado ao Filho do Homem em seu sacrifício redentor. O mesmo que aconteceu com Jesus acontece com os cristãos: perdendo a vida, misteriosamente salva não só a própria vida, mas também a dos outros, inclusive a dos seus perseguidores.

 

Por Dom Julio Endi Akamine SAC

Veja mais em: Biografia / Agenda do Arcebispo / Palavra do Pastor / Youtube / Redes Sociais

 

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Siga nossas Redes Sociais:

CONTATO

Av. Dr. Eugênio Salerno, 100
Vila Santa Terezinha, Sorocaba – SP
CEP: 18035-430
Telefone: (15) 3221-6880