Comentário ao Evangelho – Quarta-feira 23/03/2022

Quarta-feira da 3ª Semana da Quaresma

Dt 4,1.5-9

Clique para ouvir o Evangelho e seu comentário:

Lei e liberdade parecem ser contraditórias. Para alguns, para ser livre é preciso se livrar da lei, pois esta limita a liberdade.

A leitura nos mostra como é insensata essa contraposição entre lei e liberdade. É exatamente para que sejamos livres, que Deus promulga a sua lei, que, no fim das contas, é lei de liberdade.

A lei torna o povo sábio e prudente. Pela Lei, o povo se sobressai em sabedoria em relação aos outros povos, porque sabe quem é, o que quer ser e para onde vai. Identidade, vocação e sentido, nisso consiste o que a sabedoria autêntica nos dá.

Além disso a Lei permite a povo estar próximo de Deus: assim o destino do povo eleito é o de caminha com Deus e para Deus. Deus é o destino de vida plena e feliz do povo.

Por fim a obediência à Lei é recomendada pela sua ligação com a memória dos acontecimentos que revelaram Deus como o salvador do povo. Assim como os acontecimentos históricos, a Lei revela que Deus busca a felicidade do seu povo. Assim a obediência à Lei é mais a memória agradecida do que mero cumprimento de ordens. Cumprindo a Lei, o povo eleito responde agradecido às intervenções históricas de Deus em favor de seu povo.

Neste tempo da quaresma, somos convidados a fazer a experiência da vontade de Deus como o fundamento da verdadeira sabedoria, como o que nos garante a comunhão de vida com Deus e o seu cumprimento como memória agradecida.

 

 

Por Dom Julio Endi Akamine SAC

Veja mais em: Biografia / Agenda do Arcebispo / Palavra do Pastor / Youtube / Redes Sociais

 

Compartilhe:
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Siga nossas Redes Sociais:

CONTATO

Av. Dr. Eugênio Salerno, 100
Vila Santa Terezinha, Sorocaba – SP
CEP: 18035-430
Telefone: (15) 3221-6880